Author

Redação

Browsing

Prestigiar iniciativas a favor de projetos que estimulem o desenvolvimento, através do turismo, nas cidades , é a tônica de um acordo a ser firmado entre a União dos Vereadores do Estado de São Paulo e a Secretaria de Turismo e Viagens. Mas a principal ação é a divulgação das melhores práticas mundiais de iniciativa legislativa para incremento dessas ações nos municípios paulistas.

Instrumento de desenvolvimento econômico e social, capaz de fixar o homem à terra, distribuir a cultura e a renda nacional, o turismo é o maior gerador de empregos desde sempre. Objetivo segundo o secretário Lummerz é mostrar que o grande caminho para a retomada da economia pode ser pelo turismo. “Mostre uma cidade turística que com certeza é uma cidade com muitos empregos”, tem dito o secretário da Pasta.

Para isso é preciso transmitir aos vereadores as melhores práticas exitosas em outras cidades e, com isso, implanta-las pela legislação local. Nesse contexto, prefeitos e vereadores são fundamentais. São eles que podem ouvir as orientações da Secretaria de Turismo e Viagens, acompanhar as informações da Uvesp e fazer do site da Pasta uma leitura obrigatória

A LARGADA

O primeiro evento para divulgação das práticas aconteceu em Bragança Paulista, na última quinta-feira, no Teatro Carlos Gomes. Na presença de representantes de 17 municípios presentes, o secretário Vinicius Lummertz mostrou as ações da Pasta para a retomada do turismo e sugerindo que as melhores práticas sejam aproveitadas pelos agentes públicos municipais, “pois assim evitaremos legislações que possam prejudicar no futuro o desenvolvimento sustentável  pelo turismo”, afirmou.

A Uvesp e a Câmara Municipal de Bragança transmitiram o evento, disponizado nos canais da Uvesp, que recebeu 55 compartilhamentos e a visita de 2.327 pessoas.

CLIQUE AQUI E ASSISTA O EVENTO NA ÍNTEGRA 

O ministro Marcos Pontes, da Ciência, Tecnologia e Inovações; e o diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), Clezio de Nardin, confirmaram nesta quinta-feira (29 de julho) a viabilidade técnica do projeto que será desenvolvido em conjunto com o Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) para a fiscalização em tempo real de obras públicas com a utilização de imagens de satélites.

Em reunião por videoconferência, o ministro destacou que a iniciativa “representará uma mudança de paradigma para todo o país, num projeto piloto que poderá ser estendido a todos os estados, confirmada a viabilidade técnica do uso de nossos satélites para esta nova finalidade”.

A assinatura de um acordo de cooperação e o início da capacitação de servidores do TCE-PR serão os próximos passos para a implementação do projeto, que começou a ser elaborado no início da atual gestão do conselheiro Fabio Camargo na presidência do órgão de controle externo paranaense.

“Estamos muito satisfeitos em confirmar a viabilidade técnica do projeto, que suprirá as necessidades surgidas com a evolução da pandemia, que vem impedindo a fiscalização in loco por questões de segurança. Com o apoio do ministro Pontes e do INPE, em breve poderemos fiscalizar obras a distância e em tempo real”, destacou o presidente do Tribunal.

Satélites

O INPE apresentou na reunião um teste que foi realizado com três obras no Paraná: hospital em Francisco Beltrão, pavimentação da Estrada do Socavão, no município de Castro, e a reforma e ampliação do Aeroporto de Maringá. Foram utilizados dois satélites (CBRES-4 e CBRES-4A), que registraram em detalhes a evolução das obras, com imagens nítidas e aproximadas.

O diretor do INPE disse acreditar que será possível a automatização do sistema, com a emissão de relatórios fotográficos mensais, acompanhados de relatórios com detalhes das obras fiscalizadas.

Autor: Diretoria de Comunicação SocialFonte: TCE/PR
Fonte: TCE-PR

O programa terá 23 cursos divididos em três temas direcionados para mulheres do partido 

Nesta segunda-feira, dia 6 de dezembro, o PSD Mulher iniciou o programa on-line de formação política para mulheres filiadas a partido que prosseguirá até 31 de maio de 2022. A ex-ministra Luciana Lóssio realizou a aula inaugural falando sobre Nação, Estado e Democracia.

A coordenadora do PSD Nacional, Alda Marco Antonio, juntamente com a coordenadora do PSD Mulher no estado do Paraná, Sandra Duda, foram as anfitriãs e mediadoras desse lançamento, que contou ainda com a participação da secretária nacional, Ivani Bôscolo; da vereadora e coordenadora do PSD Mulher no estado do Maranhão, Karla Sarney; a vereadora maranhense, Eliane Leite e do especialista em Direito Eleitoral, Humberto Chaves.

O PSD Mulher PR contou com a participação das pessedistas paranaenses: prefeita Elizabeth Silveira Schmidt (Ponta Grossa), da vice-prefeita: Maria de Fátima Claro Nunes (Campo Mourão), das vereadoras: Aninha Santos (Medianeira), Jussandra Cattâneo (Enéias Marques), Nívea Carraro Gurski (Medianeira), Professora Eunice  (Paraíso do Norte), Branca Radichefski
(representante do PSD de Colombo),  Viviane Bley (que trabalha com povos indígenas); a fundadora da ONG Todas As Marias, Goretti Bussolo e a equipe de apoio do diretório, Telma Colmim, Patrícia Santos e Celina Soares.

O Programa de Formação Política Eleitoral do PSD Mulher, foi desenvolvido em parceria com o Instituto Político Eleitoral (IPE) que irá fornecer mais de 23 cursos que serão divididos em três temas: Mulher na Política – que vai fornecer orientações sobre o processo de disputa de cargos eletivos, desde a convenção partidária até a prestação de contas -, Hábitos Saudáveis e Olhar Feminino, com informações sobre empreendedorismo, violência doméstica, assédio moral, entre outros assuntos.

As inscrições podem ser realizadas on-line no site do PSD Nacional, clique aqui.